Bit Depth: O que é e como configurar?

No artigo O que mudou do áudio analógico para o digital?, vimos que no áudio digital passamos a trabalhar com amostras de som (notações binárias). O bit depth é a resolução do sistema. Determina a precisão com a qual o valor medido é convertido em notação binária. Quanto maior a taxa de bits, maior será a leitura da amplitude da fonte sonora. Nesse sentido podemos dizer que esse parâmetro está ligado diretamente à intensidade e se você quiser saber mais sobre isso, é só conferir o artigo Propriedades Físicas do Som: Intensidade.

Existe uma regra de que para cada bit, temos 6dB de margem dinâmica. Logo, se multiplicarmos 16 bits por 6 teremos 96dB de margem dinâmica e ao multiplicar por 24, teremos 144 dB. Por essa razão temos mais amplitude nas figuras com 24 bits de resolução do que na primeira de 16 bits.

Na prática, se você quiser ter uma margem maior para as amplitudes do som, termo também chamado de “headroom”, indico resoluções mais altas, como por exemplo, 24 bits.

Deixe seu comentário
Airton Júnior

Professor de áudio no AvMakers, Airton iniciou os estudos de música aos 6 anos de idade. É formado pelo “Conservatório Musical Souza Lima” no Curso Dinâmico de Áudio e Bacharelado em Audiovisual pelo Senac. Como violonista já se apresentou em programas como o “Encontro com Fátima Bernardes” e do TEDx, além de canais do youtube de grande reconhecimento. Como produtor musical, operador de som e mixagem, atuou com diversos nomes muito importantes do cenário nacional.