Qual é a Função do Sound Designer?

O sound design ou desenho de som é o processo de concepção sonora de uma obra, que pode ser filme, jogo, publicidade, instalações, entre outras. No sentido mais puro da palavra, o sound designer é o profissional responsável por isso e participa do processo criativo de todas as etapas necessárias para a construção de uma narrativa sonora, da pré à pós produção, sendo assim, exerce uma figura de direção de som, mas é claro que essa expressão ganhou novas conotações. Débora Opolski, cita que hoje ganha o crédito de sound designer quem cria o conceito para os sound effects e/ou o supervisor de edição de som.

Em um primeiro momento na história do audiovisual, especificamente do cinema, que foi um dos pioneiros responsáveis por desencadear diversos outros formatos de mídia que temos hoje, foi a música ao vivo que desempenhou esse papel, isso deve-se principalmente às limitações tecnológicas da época que não permitiam captar e reproduzir áudio em sincronia com o vídeo. Sendo assim, é possível perceber que a presença da música, muitas vezes, não era simplesmente para encobrir ruídos promovidos pelos projetores, mas principalmente para produzir emoções no público.
Além das projeções com música ao vivo, existiram também tentativas do uso de atores dublando atrás das telas, o que não funcionou muito bem, além de se produzir SFX.

Desde as primeiras experiências com som sincrônico não existiam ainda muitas certezas sobre sua funcionalidade para as projeções, na realidade, muitos manifestos surgiram em oposição, entretanto outros críticos do cinema, como Eisentein, Pudovkin e Alexandrov, observavam uma perspectiva muito interessante de usá-lo como forma de construir informações não contadas pelas imagem, adicionando significados e apoiando a narrativa.

A expressão “sound designer” surgiu pela primeira vez em 1979, concebida por Walter Murch, responsável pela edição de som e imagem de Apocalypse Now (Francis Ford Coppola, 1979).
Murch passou um ano criando o desenho de som do filme e mais um ano na montagem visual.

Mas afinal, qual é a função do sound designer? Sonnenschein (2001), cita que:

“Contadores de história utilizam sons para invocar mitos, suspender a realidade, e criar emoções desde o tempo das cavernas. A função de um sound designer do século XXI é a mesma, combinar a visão com o som para encantar o público. Tanto os homens da caverna quanto os sound designers precisam desenvolver suas habilidades de percepção, combinando sempre os dois lados de suas inteligências: opinião e expressão. Prestar atenção em efeitos sonoros (comparar uma pá cavando areia, pedra, barro ou neve entre si) ou em vozes humanas (de amigos ou pessoas famosas) já aumenta a habilidade de escutar o que está acontecendo e saber o que de fato será registrado no cérebro”.

Deixe seu comentário

Professor de áudio no AvMakers, Airton iniciou os estudos de música aos 6 anos de idade. É formado pelo “Conservatório Musical Souza Lima” no Curso Dinâmico de Áudio e Bacharelado em Audiovisual pelo Senac. Como violonista já se apresentou em programas como o “Encontro com Fátima Bernardes” e do TEDx, além de canais do youtube de grande reconhecimento. Como produtor musical, operador de som e mixagem, atuou com diversos nomes muito importantes do cenário nacional.